O blog

Esse blog tem a função de aglutinar um pouco do que venho fazendo ao longo dos últimos anos. De restruturações, a implantações, debates sobre arquitetura, suporte à comunidade, diversos projetos open source. Enfim,  há muita coisa para falar, e quando eu esbarro em temas em que a discussão não progride por não encontrar conhecimento, eu venho aqui e tento explicar um pouco sobre as coisas que as pessoas ao meu redor tem dúvidas. É um forma de contribuir e garantir que na próxima vez que formos falar de determinado assunto, já não seja tão novidade.

A série Docker de A a Z nasceu da necessidade de conversar sobre .NET no Linux, sobre como usar uma série de elementos legais como Redis, RabbitMQ, MongoDB com um custo de aprendizado extremamente minimalista. Muito do que você vai encontrar aqui destina-se a traçar uma base de conhecimento que permita conversarmos sobre esses assuntos. Não são mega tutoriais, não detalham melhor do que nenhum manual específico, mas têm a já ambiciosa proposta de chamar sua atenção para uma possibilidade.

Consul – DNS – Visão Geral

Service Discovery é a capacidade que trata da descoberta de serviços em uma rede. É um elemento fundamental no dia-a-dia de quem trabalha com MicroServices, mas também pode ser usado por qualquer um que precise de algum dinamismo na descoberta de serviços. Além do Consul, que abordarei hoje, temos etcd, ZooKeeper. Mas escolhi falar um pouco sobre o Consul por causa do seu DNS interno, e o que vou apresentar hoje utiliza basicamente essa implementação, por ser algo simples, e retrocompatível.

Veja mais

Docker – de A a Z – 14 – ASP.NET Core from Scratch to Production with docker & jenkins (pt-BR)

Apresento aqui um projeto ASP.NET Core, desde sua criação até sua chegada a produção, com jenkins.
Começamos apresentando as opções de criação do projeto, depois habilitamos a integração com o Docker for Windows. Em seguida adicionamos mongodb ao projeto e começamos a desenhar o build de produção, ainda na máquina de desenvolvimento. Ao concluir o processo de configuração, subo o código para o github e faço o build no jenkins, usando pipeline para realizar build e deploy da nossa aplicação ASP.NET Core.

Veja mais

JWT no ASP.NET Core – Standalone

Após o hangout que rolou nessa sexta estávamos discutindo JWT no ASP.NET Core (JSon Web Tokens) e ao apresentar um dos meus projetos cheguei a ficar envergonhado, pois eu havia dado uma certa volta para evitar a utilização de criptografia simétrica e acabei fazendo uma implementação de ISecurityTokenValidator o que é uma imensa volta para uma implementação padrão de geração tokens JWT. Bom, madrugada livre, resolvi acertar isso de uma vez e acabei transformando esse aprendizado em post.

Veja mais

.NET Core – de 2.0.0-preview2 para 2.0.0 – Atualizando projetos e Dockerfiles

Vamos direto ao ponto: A intenção desse post é apresentar como migrar seus projetos do .NET Core 2.0-preview2 pra o .NET Core 2.0 RTM. Sim, esse é um tutorial, e visa apresentar o que é necessário para fazê-lo.

O .NET Core 2 foi anunciado no dia 14 de agosto e para quem estava usando o 2.0-preview2 algumas coisas simplesmente pararam de funcionar do dia para a noite.

Veja mais

docker-gallery/EnterpriseApplicationLog – v3.0

Em outubro no post Docker – de A a Z – 15 – RabbitMQ, LogStash, ElasticSearch e Kibana com Docker Compose eu apresentei um modelo interessante de Log, com uma abordagem diferente. Ficou muito simples para trabalhar com o stack, no entanto a Elastic.co mudou muita coisa no meio do caminho e foi necessário readaptar o…

Veja mais

Docker – de A a Z – 18 – NodeJS API com MongoDB

Nesse vídeo damos continuidade à série Docker de A a Z e vou abordar o desenvolvimento com NodeJS, TypeScript, Restify, TSLint, MongoDB e VSCode usando Docker para release e debug, além permitir rodar serviços adicionais como MongoDB entre outros. O projeto do gerador de código é melhor detalhado no post (((((NodeJS + TypeScript + TSLint +…

Veja mais

(((((NodeJS + TypeScript + TSLint + Restify) + MongoDB) + Docker) + VSCode ) + Yeoman) = Uma experiência de desenvolvimento incrível!

Perdão, não achei outra forma de expressar com alguma precisão o que acabei de criar! E é incrível! O título poderia se chamar “o primeiro yo a gente nunca esquece“, mas não expressaria o projeto e suas capacidades, nem as tecnologias e integrações envolvidas. O que é? Eu estou em plena reestruturação de um de…

Veja mais

Progressive Web Apps – Coloque no seu roteiro de estudo

Você já se viu tomando decisões simples a respeito de instalar ou não (novamente ou não) um determinado app no seu celular. Os que você menos usa, são os mais eletivos a serem ignorados quando você troca de dispositivo, ou mesmo quando precisa recuperar algum espaço na memória do aparelho. Esse é um comportamento comum, e…

Veja mais

Docker – de A a Z – 17 – Build and running WSO2 Identity Server

Um dos recursos mais comuns em aplicações corporativas é a gestão de identidade. Ou você implementa na aplicação, ou você utiliza um serviço externo como Auth0, Azure Active Directory ou outros. Quem está próximo das tecnologias Microsoft já ouviu falar do Identity Server (outro projeto), no entanto é importante conhecer outras soluções e a WSO2 possui uma: O WSO2 Identity Server, e é sobre esse projeto que falarei hoje.

Veja mais

Uma PoC de Sucesso

Esse post não tem o intuito de falar de boas práticas, de abordar padrões, técnicas mirabolantes, ou nada disso. É sobre fazer concessões para obter um resultado, levando em conta recursos disponíveis como know how, equipe e principalmente tempo. Parece familiar? Ok, mas também não é e nem passa perto de ser uma sugestão para você fazer algo que mereça ser colocado em produção. Estou aqui para falar de Provas de Conceito, PoC’s ou do inglês Proof of Concept e como consegui entregar uma porcaria extremamente funcional que encantou clientes.

Veja mais